União Europeia descarta possibilidade de apoio Militar à Moçambique no combate ao terrorrismo

O posicionamento foi manifestado recentemente pelo Embaixador da União Europeia em Moçambique, António Sánchez–Benedito Gaspar, falando à imprensa.

“Apoio militar não está na agenda (da UE). Nós vamos apenas reforçar as capacidades de Moçambique para que sejam as próprias forças de segurança deste país capazes de acabar com a insurgência”, explicou o embaixador, conforme é citado pelo jornal o País.

Na ocasião, o diplomata revelou que a organização que dirige já desembolsou cerca de 15 milhões para apoiar o combate ao terrorismo em Cabo Delgado.

  •  
    187
    Shares
  • 187
  •  
  •  
  •  

Você pode gostar...

Deixe seu comentário

error: O conteúdo está protegido !!