Quem é a “intocável” Hope Hicks, a assessora de Trump que terá sido a fonte do contágio