DIREITOS HUMANOS QUER ESCLARECIMENTO DO CASO INSTRUTORES DA PRM EM MATALANE