A história do Paris Saint-Germain: Devagar (e com muitos milhões) se vai ao longe