Rússia com novo recorde de casos. Quase 30 mil infeções em 24 horas

 Rússia com novo recorde de casos. Quase 30 mil infeções em 24 horas

O número total de casos de infeção confirmados no país é de mais de 2,4 milhões, de acordo com as autoridades russas.

ARússia reportou esta segunda-feira mais 29.039 novos casos de infeção por novo coronavírus, o pior dia desde o início da pandemia no país. O número total de casos confirmados é agora de 2.460.770, de acordo com as autoridades russas, citadas pela imprensa.

Recorde-se que, ontem, o país já tinha anunciado 28.782 casos de Covid-19 nas 24 horas anteriores, o que já era um novo máximo diário.

Foram ainda reportadas mais 457 mortes associadas à doença nas últimas 24 horas, elevando o número total de óbitos para 43.141.

O principal foco de infeção no país é Moscovo, que contabiliza mais 7.512 casos e 72 mortes e também tem registado número recorde de novos casos, algo que coincide com o início da campanha de vacinação da cidade contra a Covid-19 com a preparação de fabrico nacional, Sputnik V, que é administrada em duas doses.

Foram criados setenta centros de vacinação para este fim, estando previsto que pessoas entre os 18 e 60 anos de grupos de risco, como professores, profissionais de saúde e assistentes sociais participem na primeira fase.

A vacinação é voluntária e realizada por marcação, através da Internet no portal de serviço da Câmara Municipal.

Segundo as autoridades, todo o procedimento demora aproximadamente uma hora, pois inclui um exame médico, a preparação da vacina, que deve ser descongelada na altura, e um período de observação de meia hora após a inoculação.

O presidente da câmara da capital russa, Sergey Sobyanin, disse que se espera que até sete milhões de moscovitas sejam vacinados e que existem planos para aumentar o número de centros de vacinação na cidade de 70 para 170 num futuro próximo.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Bonk Pedro

Deixe seu comentário

error: O conteúdo está protegido !!