COVID-19: OMS diz que Quase 250 milhões de africanos serão infectados

A Organização Mundial de Saúde disse que quase 250 milhões de pessoas serão eventualmente ifnectadas com o coronavírus e que 150.000 pessoas poderão morrer em África se não forem tomadas medidas urgentes.

O estudo publicado na revista “BMJ Global Health” projecta níveis de infecção e morte mais baixos noutras partes do mundo incluindo Europa e Estados Unidos.

O número de mortos da covid-19 em África subiu hoje para os 2.704, com mais de 81 mil infectados em 54 países, segundo as últimas estatísticasdo Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC)

O Egipto é o país com mais mortos (612) e tem 11.719 casos, seguindo-se a Argélia, que 542 mortos e 6.821 infectados.

A África do Sul tornou-se o terceiro com mais mortos (261), continuando a ser o país do continente com mais casos da Covid-19, com 14.335 infectados.

Entre os países africanos de língua oficial portuguesa, (PALOPs) a Guiné-Bissau é o que tem mais infeções, com 913 casos, e regista três mortos.

Deixe seu comentário