Morreu actriz Filomena Remígio

A actriz Filomena Remígio faleceu segunda-feira, na cidade de Inhambane, vítima de doença.

Filomena Remígio foi a actriz principal do primeiro filme de ficção A herança da viúva, do realizador Sol de Carvalho, pelo qual ganhou um prémio de melhor actriz no festival da Linha da Frente e o prémio de representação no Festival de Vila Nova de Famalicão.

Ao longo do seu percurso no cinema, a actriz contracenou com Gigliola Zacara em O jardim do outro homem e foi também protagonista do filme Mabata Bata, onde contracenou com Horácio Guiamba, igualmente de Sol de Carvalho.

Recentemente, Sol de Carvalho, que era amigo de Filomena Remígio, trabalhou com a actriz numa filmagem no bairro onde residia, em Inhambane, num documentário sobre o ritual Kutchinga. “Foi incrível como ela conseguiu interpretar tão bem os personagens que representou em três línguas diferentes: xitswa, changana e português. Mantinha sempre grande disponibilidade e nunca deixou de se manter como uma pessoa humilde e trabalhadora. No set estava disponível para as repetições que fossem necessárias até que estivéssemos satisfeitos. Para quem nunca teve qualquer formação, nem académica, nem profissional, Remígio foi um exemplo”, lê-se a afirmação do realizador num comunicado sobre o falecimento da actriz.

Filomena Remígio participava num grupo de canto e dança da cidade de Inhambane.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Você pode gostar...

Deixe seu comentário

error: O conteúdo está protegido !!