Ministério da Defesa confirma sete mortes em ataque à vila de Palma

Sete pessoas morreram e outras dezenas estão deslocadas da sua zona de origem após o ataque terrorista ocorrido na quarta-feira na vila Palma, província de Cabo Delgado. A confirmação é do Ministério da Defesa.

Numa conferência de imprensa realizada na noite de hoje, o porta-voz da Defesa nacional, Omar Saranga, não deu pormenores sobre a identidade das sete pessoas mortas pelo grupo de terroristas, nem os trâmites eventualmente em curso para identificá-las.

Segundo o responsável, com o ataque da última-quarta, os terroristas pretendiam aterrorizar a população e ameaçar o desenvolvimento de projectos, cuja finalidade é melhorar a vida das vítimas e do país.

“As Forças de Defesa e segurança (FDS) trabalham para evitar que infra-estruturas sejam vandalizadas”, disse Omar Saranga, numa breve declaração aos órgãos de comunicação social.

Adicionalmente, Saranga apelou à população de Palma a manter-se calma, vigilante e a denunciar quaisquer actos contra a segurança, unidade nacional e defesa da soberania.

Deixe seu comentário