Mil empresas ameaçam fechar em Cabo Delgado devido a ataques

Cerca de mil empresas que operam em Cabo Delgado poderão fechar as portas e mais de 100 mil pessoas correm o risco de perder emprego devido aos ataques terroristas.

Desde que começaram os ataques terroristas em Cabo Delgado, em 2017, foram afectadas mil e cento e dez empresas, algumas fecharam as portas, outras, já estão à beira da falência.

A situação é considerada grave há muito tempo, mas tornou-se insustentável depois do ataque à vila de Palma, que era o maior centro de negócios dos mega projectos de gás na bacia do Rovuma.

Os ataques terroristas destruíram sonhos de muitos empresários de Cabo Delgado. Outros perderam esperança e  já abandonaram a província, mas alguns não têm alternativas, e estão preparados para enfrentar tudo e todos.

A maior parte das empresas que fecharam as portas devido aos ataques terroristas são da área de Transportes, Construção civil e prestação de serviços.

Deixe seu comentário