Leão “na mira” dos caçadores furtivos

Os animais carnívoros são, agora, a preferência dos caçadores furtivos no país. Cerca de 20 pessoas foram detidas, entre Janeiro e Abril, em conexão com o crime, segundo Mateus Mutemba, director da Administração Nacional das Áreas de Conservação.

Se antes o elefante e o rinoceronte eram o principal alvo dos caçadores furtivos no país, actualmente, o leão está na mira dos meliantes.

Entretanto, Mateus Mutemba considera que os índices do crime contra a fauna bravia tende a baixar no país, como resultado de acções de sensibilização que têm sido levadas a cabo pelo Governo.

 

Deixe seu comentário