Criança de 5 anos quase morre após ser atacado por seis pit bulls

Um garotinho de apenas cinco anos viveu momentos de terror ao ser atacado por seis pit bulls. O ataque violento do animal fez que a criança tivesse parte de sua testa e orelhas arrancados. Mickele Allen foi surpreendido pelos cães quanto estava retornando para sua residência, após ter ido a uma loja de doces, na Jamaica.

O menino foi achado coberto de sangue pelo irmão mais novo. “Ele teve cerca de 50 a 60% do couro cabeludo arrancado. Além da maior parte de sua testa, ele teve sua orelha esquerda, parte de sua bochecha esquerda arrancadas, ferimentos graves em ambos os braços e ambas as pernas“, explicou Evana Garfein, chefe de cirurgia plástica do hospital onde a criança foi atendida.

Muitas pessoas se comoveram com a situação do menino e decidiu ajudar nos custos da cirurgia. Foi arrecadado o valor aproximado de 1,3 milhões de reais. Os valores, que foram recebidos através de doação, ajudaram a família a voar até a cidade de Nova York, nos Estados Unidos, local onde os cirurgiões submeteram o garoto a um procedimento cirúrgico que permitiu a reconstrução do seu rosto.

O dinheiro arrecadado foi usado para pagar as passagens de avião da mãe e do menino, além de possibilitar retirada de passaportes, vistos e os cuidados médicos. O responsável pelo procedimento também ficou tocado com a situação. Por isso, Garfein, que é o chefe de cirurgia, resolveu realizar o procedimento sem cobrar nada.

Recentemente, Shereen Antoinette Grindley, mãe da criança que foi atacada pelos seis pit bulls, falou como foi o procedimento do filho e ressaltou a sua reação. Ela contou que o menino foi submetido a uma cirurgia de enxertos de pele e, apesar do procedimento intenso, o menino estava muito bem-humorado.

  •  
    73
    Shares
  • 73
  •  
  •  
  •  

Você pode gostar...

Deixe seu comentário

error: O conteúdo está protegido !!