COVID-19 mata mais duas pessoas em Maputo, entre elas uma criança de sete anos

A COVID-19 matou mais duas pessoas, este sábado e domingo, na cidade de Maputo. As vítimas, do sexo masculino, são moçambicanas e tinham sete e 89 anos de idade, segundo o Ministério da Saúde.

Os pacientes ficaram a saber que estavam infectados no dia 22 de Setembro passado. Assim, Moçambique soma 66 óbitos devido à COVID-19. Destes, 46 foram registados na capital do país, onde um cumulativo de 4.222 pacientes com Coronavírus.

Até este momento, o país conta com um cumulativo de 249 pacientes internados por causa do novo Coronavírus, dos quais 44 encontram-se nos centros de internamento.

“Maior parte destes pacientes encontra-se na cidade de Maputo. Os pacientes internados padecem de patologias crónicas diversas, sendo que as mais frequentes são a hipertensão e as diabetes”, diz um comunicado do Ministério da Saúde, enviado ao “O País”.

O país registou mais 116 pessoas totalmente recuperados da COVID-19, das quais 70 em Nampula, 17 em Inhambane, 15 na Zambézia e 15 em Cabo Delgado.

Deste modo, actualmente há 5.852 (63.6%) indivíduos recuperados da doença.

Entretanto, outras 147 pessoas testaram positivo para o novo Coronavírus, entre elas 104 na cidade de Maputo.

O total de infectados pela COVID-19 em Moçambique aumentou para 8.901, desde Março deste ano, altura em que o Ministério da Saúde anunciou o primeiro paciente com a doença. Destes indivíduos, 3.274 são activos.

  •  
    191
    Shares
  • 191
  •  
  •  
  •  

Você pode gostar...

Deixe seu comentário