Adolescente furta 120 mil Meticais do seu patrão em Maputo

Um adolescente de 17 anos e empregado de um estabelecimento comercial, sediado em Marracuene, foi detido depois de furtar dinheiro do seu patrão.

Foram 43 dias como empregado, tempo suficiente para estudar o terreno e desviar valores monetários.

O adolescente diz que o patrão teria deixado no caixa da loja valor de vendas de 2 dias, facto que atiçou a sua cobiça pelas notas que trazem alegria.

Sérgio Sitoe tem os detalhes:

Os factos são confirmados pelo dono da loja.

O indiciado diz que o roubo do dinheiro trouxe-lhe perturbações.

Acabaria por ser ele mesmo a revelar o crime via chefe de quarteirão, e devolver parte do dinheiro.

Os comparsas estão foragidos.

  •  
    202
    Shares
  • 202
  •  
  •  
  •  

Você pode gostar...

Deixe seu comentário

error: O conteúdo está protegido !!